Popular Post

Posted by : Space_aye


Estava eu de fim de semana em Marrocos, mais concretamente na sua capital Lisboa, quando se dá um acontecimento que ficará para sempre na nossa história. Foi o dia mais esperado pelos portugueses desde que aconteceu outro histórico e ansiado dia, o dia em que Sócrates se demitiu. Estou a falar, claro está, da prisão de Sócrates.
Ocorre-me uma série de coisas não só pela prisão mas pelo desenrolar do processo. Lembram-se quando na campanha eleitoral em 2005 se espalhou o boato de que Sócrates era gay? Eu pergunto-vos porque entretanto deixou de ser relevante. Não por ele já não ser primeiro-ministro, mas porque agora, queira ou não, ele está a apanhar o sabão.
E por falar nisso, acho que no fundo percebo o porquê de tanto ódio a um primeiro-ministro que foi só um dos piores. O que até nem é assim tão negativo, comparado com a qualidade dos primeiros-ministros que temos vindo a ter. É que no fundo com Sócrates é uma "bicha política", mesmo quando se demitiu e percebeu há muito que toda a gente o odiava continuou a querer estar na ribalta a ponto de servir de comentador político na RTP. Os portugueses reagem a ele como quando veem as marchas do orgulho gay a passar. "Ah e tal, se eles não fizessem aquelas paneleirisses todas para a câmara a gente até os deixava em paz! Mas assim, tenho mesmo de lhes chamar nomes e continuar a odia-los por motivo nenhum!".
Outra coisa engraçada é que quando ele era primeiro-ministro toda a gente estava ansiosa que ele morresse (até tivemos um comentário num post deste blog chamado "Morte de Sócrates", e que teve imensas visualizações, de um senhor que leu a pensar que ele tinha mesmo falecido!) e agora que ele morreu todos falam bem dele. Típico dos portugueses. Não morreu no sentido literal, mas pode-se dizer que ele politicamente está morto.
Agora é um coitado que ainda nem foi julgado e já está na choça. É realmente desagradável acontecer isto a um "homem bom" ou "de boas famílias", que é o que se costumava chamar aos gajos cheios de pasta. Se Sócrates fosse na realidade um miserável cidadão governado por outro Sócrates (tipo JF) e estivesse a limpar as sanitas do estabelecimento prisional de Évora por um crime qualquer, já estava o povinho a comentar no site do Correio da Manhã "25 anos é pouco! Deviam mas era mata-lo". Assinado Jervásio79 "Ó Jervásio79, você é uma besta! Mata-lo era pouco! Era mas é arrancar-lhe um braço e uma perna de cada vez, atira-lo de um escorrega cheio de lâminas e ele ir parar lá baixo a um contentor de ácido!" Assinado Joaquim362.
Entretanto, como diria o Pablo Iglésias (que provavelmente ninguém aqui sabe quem é), que caia essa casta toda! Cavaco, Passos Coelho, ministros do governo etc. etc.
Nós os gárgulas, tenho de dize-lo, achamos sempre mais do que um ministro com piada em cada governo, mas não suporto o Coelho desde que ele decidiu acabar com o humor usando uma piada.
Os fãs de Sócrates estarão com certeza tristes nesta altura. Mas devem estar cientes que ele tem dinheiro suficiente para se safar desta com bons advogados.
Já para aqueles que ainda sonham com a sua morte só lhes resta esperar que ele beba agora a cicuta. Isso, fiquem sentados. Vai umas pipocas?


PVD - Alguem disse pirocas?


Space_aye - Não, PVD. Vai fazer umas pipocas que eu estou aqui a ver o noticiário.


PVD - O JF já ligou hoje?


Space_aye - Ainda não. Tem estado muito ocupado em Inglaterra a fazer negócios em seu nome para o Passos Coelho.





Leave a Reply

Comentem pá, um bom comentário motiva a malta!

Subscribe to Posts | Subscribe to Comments

- Copyright © Os Gárgulas - Date A Live - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -