Avançar para o conteúdo principal

Os Gárgulas e o Messias


Os Gárgulas são um blog interessante e que tem cada vez mais fãs (pelo menos é isso que eu gosto de pensar). Mas esta até a mim me surpreendeu. Nós recebemos uma visita de Jesus Cristo que aparentemente é nosso fã. Ficamos tão escandalizados que decidimos que tínhamos muito que conversar.

Eu sei o que devem estar pensar. "O quê? Mas ele está drogado ou alguma coisa?". Não, não estou, mas estive. A verdade é que eu, JF e Space Aye finalmente experimentamos a droga que PVD passa a vida a tomar, aquela que lhe permite ver Deus, mas como era a primeira vez que a consumimos só podemos ver Jesus que de acordo com algumas teologias cristãs é Deus ao mesmo tempo que é seu próprio filho, mas de acordo com outras é só o filho de Deus. Enquanto não apanhamos com o Espirito Santo já foi muito bom.

É verdade. PVD ofereceu-nos a droga que ele usa, e podemos falar com Jesus Cristo e fazer-lhe as perguntas para as quais todos procuramos respostas. Quem será o campeão nacional? Quem ganhará o mundial? O Homem aterrou na lua?
 
Tudo começou num jantar em que de alguma forma acabei a debater com PVD a questão de Deus.

- Então se Deus existe, como explica que exista mal na Terra? - Perguntei eu cheio de dúvidas.

- É fácil. Um pai educa os seus filhos para que possam agir de forma correcta, mas não pode decidir por eles se eles vão seguir esse conselho. - Explicou um PVD tranquilo.

- Mas se Deus é perfeito e omnipotente, porque nos criou imperfeitos? Tão imperfeitos que fazemos aquilo que ele não quer. - Rebati

- Os mistérios de Deus são de difícil compreensão. - Disse um PVD ainda tranquilo.

- Como é que a conversa veio para este tema? - Perguntou um JF entediado.

- Estávamos a tentar descobrir que tipo de vinho Jesus gosta mais, e estes dois começaram a debater-se. - Respondeu Space Aye claramente entretido.

- Mas voltando ao que realmente importa: Qual o vinho que Jesus gosta mais? - perguntou um JF cheio de curiosidade.

- Boa questão. - Respondeu PVD - Porque não lhe perguntas?

- Será altura, mestre? - Perguntou JF receoso.

- Sim, chegou a altura de comunicares com Deus como eu faço. - Disse PVD ao seu aprendiz JF - Falarás, como eu e Moisés, cara a cara com Deus, mas hoje vais ter que te contentar com falar com Jesus.

- Serei eu o único a achar isto uma loucura? - disse eu claramente céptico.

- Não. És tu, sou eu, o JF quando não está a falar com o PVD, o Richard Dawkins... - Respondeu Space Aye.

- Com que então é ver para crer, hein? Então também vocês falarão com o Salvador! - Proclamou um PVD já um bocado chateado (verdade seja dita, ele tem uma paciência de ferro, se fosse eu já me tinha chateado há mais tempo).

- Essa eu quero ver... - Disse eu num tom desafiador.

- Isso quer dizer... que nós vamos tomar a tua famosa droga. Aquela que te permite ver Deus? - Questionou um Space Aye atónito.

Após muito tempo de discussão e reflexão eu e Space Aye concordamos relutantemente, e juntamo-nos a PVD e JF que já estavam alucinados com a tal droga. Passado um bocado começamos a ver uma luz que preencheu a sala. Eu comecei a pensar que iriamos finalmente ver Jesus Cristo, mas a transmissão estava um bocado defeituosa e acabamos por ficar uma hora a ver luzes com padrões tão alucinantes que só poderiam ter sido provocadas por psicotrópicos. Só depois dessa completa festa de luzes transe apareceu-nos a estrela da festa, o próprio Jesus Cristo.

- Olha, olha a droga do PVD é altamente. - Disse um Space Aye claramente alucinado.

- Cala-te blasfemo! A tua atitude de ver para crer é pior do que a que Pedro demonstrou. - Disse Jesus Cristo um bocado chateado.

- Blasfemo? Está bem, está. Se tu és mesmo tão poderoso, então faz um milagre. - Disse Space Aye convencido de que Jesus não seria capaz. Jesus saiu e foi á padaria onde comprou dez pães. Voltando disse:
 
- Aqui tens o teu milagre. - Disse Jesus.

- Milagre? Tu foste á padaria buscar pão, o quê que há de tão espectacular nisso? - Disse Space Aye sentindo que tinha ganho a discussão.

- Ó tu de pouca fé! O milagre não é que eu tenha comprado pão, o milagre é que estando em Portugal eu tenha tido dinheiro para comprar um pão, quanto mais dez! - Disse Jesus sentindo que tinha finalmente encerrado a questão.

- Ele tem razão... Deus deve existir. Porque depois disto, nada é impossível. Tirando o Benfica ser campeão. - Disse eu espantado com o que tinha visto.

- Bem, se tu pões as coisas nessa perspectiva... - Disse Space Aye parecendo que ia finalmente acreditar no que via - Deves estar ligado ao Gaspar... Tu não me enganas!

- Este gajo é mesmo pior que Pedro. - Disse Jesus, claramente frustrado.

- Se calhar não é o Gaspar, se calhar é o Portas. - Disse um Space Aye confuso. De facto alguém que não fosse o PVD ter dinheiro para dez pães em Portugal parecia impossível. Tão impossível que necessitava de uma explicação convincente.

- Enfim, eu não vou comentar essas acusações. - Disse Jesus antes de se virar para PVD - Estes gajos são do piorio.

- Perdoe-lhes Jesus. Eles não fazem por mal. São cépticos, o que se pode fazer? - disse PVD em modo apologético.

- De qualquer dos modos, porque me chamaram? - Perguntou Jesus.

- Gostávamos de lhe fazer uma pergunta. - Respondeu o PVD que de seguida olhou para JF que de imediato percebeu a deixa.

- Que vinho é que tu preferes? - Perguntou JF a Jesus Cristo.

- Vinho? Então vocês chamaram-me cá para falar de vinho? Mas que vem a ser isto? - Respondeu Jesus, claramente chateado.

- Pareces um bocado nervoso - zombou Space Aye.

- Está bem, está bem. Eu responderei às vossas perguntas, até as mais absurdas. Afinal, eu sou fã dos Gárgulas, que é o melhor blog que já li. - Disse Jesus mais calmo.

- É fã dos Gárgulas? - Perguntei atónito.

- Então comecemos pela mais importante: Qual é o teu vinho preferido? - Perguntou JF.

- O meu preferido é o Lágrima de Cristo. - Disse Jesus virado para JF.

- Que tristeza. - O PVD disse ao ouvir a resposta de Jesus.

- Benfica ou Porto? - Perguntei eu aborrecido e sem grande interesse.

- Nenhum dos dois. Eu sou o sócio nº1 do Sporting. - Jesus respondeu desanimado.

- Mas há mais do que um? - Perguntou JF admirado com a hipótese de haver mais do que uma pessoa masoquista que chegue para se associar ao Sporting.

- Isso explica o calvário que o Sporting tem que suportar. - Disse Space Aye zombando com Jesus ou com o Sporting, não sei bem.

- Não falem mal do meu Sporting! Com o Bruno de Carvalho nós vamos ser campeões na próxima época.

- Fia-te na virgem. - Disse eu depois de ouvir tamanho disparate.

- Eu vou voltar a dizer: a minha mãe é mesmo virgem! Afinal, sou ou não sou o Messias? - Disse Jesus chateado com o meu comentário.

- Eu não quis dizer nada disso. Mas se me permite, acho um pouco complicado uma pessoa dar á luz sem que algo o tenha provocado. - Disse eu que provavelmente devia ter ficado calado pois quando terminei de dizer isto Jesus olhou para mim com cara de poucos amigos. Trata-se do homem que supostamente morreu pelos meus pecados, logo é fácil depreender que a situação era séria. Quem me dera que ele não o tivesse feito. Eu nunca lhe pedi nada! Quem me dera que ele pelo menos tivesse mandado uma mensagem a avisar que era para lhe dizer que não era preciso, mas pronto... Manias.

- Ai Jesus. Agora é que vão ser elas. - Disse PVD preocupado. Afinal ele já sabe que sempre que se fala neste assunto Jesus fica chateado. De imediato, Jesus olha para ele e diz:

- Sim?

- Não era nada. - Respondeu PVD.

- Quantas vezes tenho eu que vos dizer? Não usem o meu nome em vão, nem o meu nem o do meu Pai! - Disse Jesus muito chateado com todos os que o rodeiam.

- Ok, ok. Não te precisas de enervar… - O PVD disse para tentar acalmar Jesus.

- Deus me livre! – Jesus exclamou.

- Filho!!! – Ouviu-se uma voz que parecia vir dos céus.

- Perdoa-me Pai. Foi um acidente! – Disse Jesus ao seu Pai que estava nitidamente irado.

- Desta vez escapas. Mas se voltas a fazer uma destas eu crucifico-te de novo! – Disse-lhe o Pai.

- Isto foi divertido. Agora é a minha vez de fazer uma pergunta aqui ao “messias”. – disse Space Aye num tom irónico – Deixem-me ver… dos Gárgulas, qual é o teu blogger preferido?

- O PVD como é óbvio. – Jesus respondeu de forma natural.

- É previsível. De nós todos, ele é o único que acredita em ti. – Space Aye concluiu.

- Não vos basta verem-me á vossa frente para acreditarem em mim? Sinceramente. Vocês são mesmo piores do que aquele teimoso do Pedro. – Jesus disse irado.

Depois disto desapareceu e nós acordamos no chão da sala onde estávamos a jantar. Nisto chegou AR que tinha ido á casa de banho e não percebeu o que aconteceu.

- O quê que vocês estão a fazer no chão? – Perguntou AR.

- Estávamos a falar com Jesus. – JF respondeu.

- Ok. Depois dizem que eu é que digo disparates. – AR replicou.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Porque odeio espanhóis

Se eu fosse o PVD, a resposta ao título deste post poderia ser apenas uma frase: "porque sou português".Mas como eu faço posts minimamente decentes (hein, PVD?) vou escrever mais duas ou três. A razão para eu fazer este post (além do facto de este blog já estar a ganhar baratas) prende-se com o facto de eu estar prestes a partir de férias (ou seja, contem com mais baratas pelo menos até pra semana). Férias...para Espanha, obviamente. Porque é para lá que os pobres como eu passam férias fora. No entanto, estou convencido que a viagem vai ser um martírio, uma vez que como vou de autocarro, e a minha chegada está prevista para 13 horas (não às 13h mas depois de 13 horas de viagem!). Por isso decidi levar a biblioteca de Alexandria comigo. Não foi fácil, visto que aquilo estava tudo queimado e debaixo de água, mas lá consegui pegar nuns calhamaços velhos e trazer comigo. Mas apesar de estas 13 horas parecerem muito, não me espanta. Afinal de contas, é provável que o motorista resolva…

Pornografia Portuguesa

Uma das coisas que eu tenho vindo a reparar é na falta de actores portugueses, está bem que não existe talento em Portugal muito menos na área do espectáculo, mas será que não podem aproveitar alguns actores dos caixotes do lixo (morangos com açúcar) Porque já que não existem actores de jeito nem aqueles que já andam a dever anos á cova (Nicolau Breiner). Podiam ser aproveitados os melhorezitos pois chateia imenso ir ao cinema ver um filme português, é que vocês não sabem o que isso é porque são malta fixe que não vai ver esse tipo de filmes.
O que é que vos vêm á cabeça quando pensam em filmes portugueses, é ou não é “pornografia” o que vos vem á cabeça? É não é? Eu sabia! Mas vocês têm razão, quando um filme portugues vai para o cinema pensamos logo é pornografia, mas nunca temos a certeza, por isso vamos ver aos créditos e procuramos pelo nome “Soraia Chaves” pois esse é o nome que nos tira as dúvidas, se ela entra então o filme é mesmo pornográfico.
Então lá vamos nós todos conte…

Como fazer um filho?

Em primeiro lugar, filhos assim como desculpas não se fazem/pedem, evitam-se. Vou ser sincero, comecei a escrever isto só mesmo para dizer o que disse. Se bem que esta questão faz me lembrar os copos do Mc Donald’s.Gargulista - Ter filhos anda te a fazer lembrar os copos do Mc Donald’s? Mas que raio fazes tu no Mc Donalds?Não é nada disso, refiro-me apenas a esta imagem:Já viram se os preservativos viessem com instruções do género? Eu sei que já vêm com instruções, vejam lá se percebam o que estou a tentar dizer.Tire o material para foraSe quiser fazer um filho não use isto.Acho que este tipo de instruções servem para nos chamarem de burros indiretamente. Qual é a vossa opinião a respeito disto? Precisam de instruções ou estão bem sem elas?Para quem quiser ter um filho, acho que não precisam de instruções mas só para o caso.Dê uma semente á sua mulher.Espere 9 meses.Leve-a para um hospital.Já ouvi reclamações, muitos dizem que este método não funciona muito bem, caso não resulte:Envie…